Este blog tem por objectivo ajudar a criar um mapa topográfico de Portugal para os GPS da marca Garmin. * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *Para as versões definitivas, vá a [http://sites.google.com/site/topolusitania/] * * * * * * * * * * * * * * * *Contacto:* [topolusitania"alojado no"yah00_ponto_com] *Como ajudar:* [http://sites.google.com/site/topolusitania/Home/topolusitania---como-ajudar]

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Garmin BirdEyes, Google Earth e os mapas M888 1:25000

Como sabem, a Garmin lançou recentememte o Garmin BirdsEye, permitindo visualizar num gps compativel, ortofotos com origem no Google Earth por exemplo.

O formato utilizado é um formato raster "fechado" com a extensão JNX e que é muitissimo mais flexivel em termos de gestão de memória que o formato "aberto" kmz.

Não iremos aqui descrever as potencialidades e limites dos dois formatos kmz e jnx.

Vamos apenas indicar que se pode converter qualquer mapa raster em formato Oziexplorer para o formato JNX.

É possivel pois, ter num GPS Colorado, Dakota ou Oregon todos os 650 mapas da série M888 1:25000 e ainda algumas ortofotos Google Earth dos locais pretendidos, para além dos mapas Garmin tradicionais. Tudo limitado apenas pela capacidade do cartão de memória.
Eis algumas capturas de ecran, em testes por nós realizados:


As imagens acima referem-se à ilha de Porto Santo (Noroeste), E nela aparecem as imagens BirdsEye obtidas a partir de um mapa Oziexplorer com dados do Google Earth, aos quais se sobrepõe o TopoLusitania v0.89A com um TYP que não é o habitual.

Nas imagens seguintes, podem verificar que acrescentámos novos ficheiros JNX baseados nas cartas da série M888. Os únicos mapas Garmin visiveis são o Cartorama e o TopoLusitania v0.89, que nos permitiu verificar o grau de precisão da conversão e como é a transição entre as diversas cartas.



Na imagem acima podemos verificar que o processo ainda não está completamente afinado, pois a conversão não é completa - falta um pequeno mosaico no canto superior direito de cada carta.
Os números e rectas a negro pertencem ao Cartograma e indicam as respectivas cartas.
No canto inferir direito podem ver o grau de precisão da conversão, com o marco geodésico do TopoLusitania v0.89A, a imagem da carta m888 e outros dois waypoints referentes ao mesmo local.

Como o processo ainda não está ainda estável, não publicaremos mais detalhes, para que ninguém se queixe que o seu gps se transformou num pisa-papéis de secretária.

Para os mais curiosos/corajosos, vão ao blog "gpsando" do Yomismo e divirtam-se por lá. Atenção que as manipulações descritas por Yomismo anulam as garantias do fabricante.

5 comentários:

NR disse...

Muito interessante..não consigo resistir a experimentar.
Obrigado pela partilha

HS disse...

Parabéns pelo excelente trabalho que têm vindo a desempenhar e de forma gratuita.

Relativo aos JNX, alguma evolução á possibilidade de visualizar no GPS imagens tipo Google Earth ?

Obrigado

Anónimo disse...

Olá
Qualquer mapa raster (seja qual for a sua origem - Google Earth nas suas várias versões, Bing maps nas várias versões, etc) pode ser convertido para o formato JNX.
É pois possível ter mapas do tipo Google Earth nos GPS Garmin mais modernos. Têm é que ser preparados com antecedência e estarem presentes na memória dos aparelhos.

Bruno Gomes disse...

Algum link que explique como colocar mapas tipo Google Earth no Garmin Dakota?

Continuem com o excelente trabalho.

TopoLusitania disse...

Olá
Na pagina web:
https://sites.google.com/site/topolusitania/Home/ver-os-mapas-jnx-nao-oficiais-no-gps

Número total de visualizações de página